-Quando a energia faz mal.

 

A ideia deste pequeno artigo surgiu de uma conversa  com o guitarrista André Christovan, sobre os problemas com a mudança de  timbre de valvulados, em cidades diferentes, por causa das variações de tensão nas mesmas.o.

 

As variações de tensão, em nosso Brasil varonil, constitui uma das principais causas de defeito em aparelhos eletroeletrônicos e principalmente em equipamentos valvulados, pois elas reduzem em muito a vida útil das válvulas.

Em muitos casos existem variações num mesmo lugar e tomada, Um bom Ex: é acidade de São Paulo durante o dia, as vezes fica em 119v, a noite com o acender das luzes, bares e tudo mais, em muitos lugares da cidade, existe uma queda pra 110v, saiba que no Brasil as tensões podem variar de 110 volts até 135 volts de uma cidade para a outra e isso pode ser letal para seu amplificador valvulado,existem cidades que  a concessionárias diz que na tomada saem 220 volts e já encontramos 246.

 -Vou explicar o acontece com seu amplificador nestes casos:

Existe um detalhe importante chamado "fator de transformação"que nada mais é que a relação entre cada volt que entra e sai de um transformador de força ou alimentação.

Exemplo um transformado de Fender Twin reverb. Que foi desenvolvido para receber 110 volts e sair 335 volts- se dividirmos 335/110=3,045 volts, então o fator de transformação seria 3,045 volts.

 Os 335 volts após a retificação ( transformação da tensão alternada em continua)  neste processo  multiplicamos cada volt que sai do transformador por 1.4 = 469 volts circulando no circuito de seu Twin reverb.

 -Então vamos imaginar que sua tomada sai 127 volts para um pequeno calculo.

127*3.045 =386 volts

Os 386 volts após a retificação (transformação da tensão alternada em continua) que é multiplicada por 1.4 = 540 volts circulando no circuito de seu Twin reverb.

Estamos falando de 71 volts a mais.

Os capacitores de um twin são projetados para 500 volts e pouquíssimas válvulas resistem a essa voltagem 540 volts.

 

-O que fazer????

-Existe um aparelho muito usado em gigs profissionais, que viajam por ai pegando todo tipo de porcaria de voltagens, é chamado de Variac, é um investimento relativamente barato.

Com ele você regula a tensão que vai pro seu amp e seu setup sei que muitos técnicos vão me xingar, mas esse pequeno investimento vai reduzir em muito seus problemas, com manutenção de equipamentos, um variac tem entrada de 220volts e pode regular a saída da voltagem entre 1 até 250 volts ac.

-.O que vamos precisar?

-Se você costuma tocar na mesma cidade não precisa de nada, mas é bom dar uma olhada com um técnico se seu amplificador está com tensão demais e com o “bias” bem regulado, se você toca muito com sua banda por ai, a coisa já muda de figura.

Um pequeno investimento pode diminuir muito seus problemas, aconselho ter um multímetro ou voltímetro digital barato, o custo é cerca de 30 reais, um variac tem tensão de entrada de 220 volts, então se sua tomada é 110v convém ter um autotransformador de 110/220 volts também.

-Que variac e autotransformador comprar??

-Com um variac de 12 ampères você alimenta seu amplificador de 100 watts, já no de 50w, 8 ampères é mais que suficiente, o transformador de tensão tem que ter a mesma amperagem ou superior.

Eu uso em minha oficina um deste modelo TDGC2-3 de 3KVA 12A  que é suficiente para amps de 100w  até 200watts,  se seu amp tem de 10w a 50 watts, um Variac de 8 ampères resolve e o transformador de 110/220volts também tem que ter a mesma amperagem ou superior.

-O calculo de variação de tensão, serve para qualquer aparelho de seu setup (pedais, amps etc..) também é muito comum, testar fontes de pedais que eram pra sair 9 volts e já achei 16 volts.

 

 Abraço

T.Miranda

www.tmiranda.com